Posts Populares

Posted by : TorneioBattleScenes TV domingo, 13 de abril de 2014

Primeiramente quero agradecer a presença de todos, mesmo com a ausência de jogadores costumeiros o torneio aconteceu com a presença de 8 guerreiros. Peço aos 7 guerreiros e 1 guerreira (É tinha uma menina !) que deixem sua impressão sobre a loja e o torneio, nos comentários deste report, estes comentários são importantes para o Roger (organizador de eventos da Magicdomain).
Dia 27/04/2014 o Roger fará um evento especial de BS em uma feira de jogos analógicos com premiação de um XBOX 360 participação limitada a 32 jogadores que adquirirem ingresso com antecedência. Assim que tiver mais detalhes publicarei na Agenda de Torneios.

É hora do Report !!



Por 2 semanas seguidas joguei de Magia pra identificar se esse é realmente o deck do momento e cheguei a conclusão que o deck depende muito do piloto.

Que deck não depende do jogador !?

Toda e qualquer falha ao se jogar com o deck de Magia é fatal para seu piloto e falta de sorte também. Alguns decks são mais tolerantes com falhas dos pilotos e falta de sorte, como é o caso do Rolex.

Por conta desta análise durante a semana resolvi comprovar minha tese jogando de Rolex e para minha surpresa fui feliz.

Primeira Rodada: OMEGA DECK Piloto Leandro Nagy
Deck chato e que promete

O camarada abre a mesa de Wolverine e Omega Red, pensei que já tinha perdido essa partida mas resolvi dar uma chance pro deck, joguei um Demolidor como boi de piranha, o Wolverine dele ficou em 1 ai eu desci minha favela nocauteei os dois personagens dele e controlei a mesa.







Segunda Rodada: Magia Estranha Piloto Gudy

O teste de fogo pro meu deck, essa partida poderia comprovar minha tese. Tomei outra abertura Power ele descartou a mão toda Mistério convocar (Feiticeira e Dr. Estranho) descartou item magico (unica pessoa que não precisa de investigar nas ruínas pra comprar item magico) e passou (quando ele falou passo eu juro que escutei "Tenta jogar !").  Momento de Atenção e Leitura do Ambiente: MALA
Aberturas Powers têm se tornado a melhor maneira de jogar BS, garantindo controle de mesa e antecipação.
Segui a receita do outro jogo e fui soltando alguns personagens por vez pra ir cansando os deles até que conseguisse ter uma antecipação forte, depois ele foi obrigado a recuar acumulando os recursos certos mas a mesa tava dominada.

Terceira Rodada: Magia Mix Piloto Atila

Mais um teste de fogo que comprovaria 2/3 da minha teoria o outro 1/3 seria enfrentando um outro piloto de magia. Abertura Power Feiticeira Convocar Misterio e Estranho e um passo meio "tenta jogar" segui a receita dos outros jogos e fui feliz em derrubar esse trio, só que veio a parte Mix do deck dele Raio Negro, Speedball e Psylocke (só o grito do Raio negro me fez perder o rumo de casa até hj). Perdi feio.




Semi-final: A Guerreira do Torneio Camila e seu deck Tiro Porrada e Bomba
A guerreira fez fila

A pegada do deck dela é todo personagem entra em cena batendo (Colisão, Concentrar Poder e outras coisas). Partida mais difícil e demorada do dia, houve um momento que pensei que fosse perder mas consegui achar utilidade pra meia duzia de demolidores que estavam na minha mão. Parabéns a Camila por ter montado o deck no dia e chegar as finais.






Final: Magia Estranha Piloto Gudy
Pelo que acompanhei de longe o Atila tomou uma abertura Power (trio ternura) e nunca mais voltou pro jogo. imagina meu psicológico depois de saber disso.
Por incrível que pareça ele não abriu Power então aproveitei abri a mesa com 5 de dano na antecipação e mandei uma toupeira arrancar os itens mágicos do recurso dele. Fui lotando a mesa cada vez mais e consegui ganhar o dia.
Rolex Campeão


{ 3 comentários ... read them below or Comment }

  1. Pontos fortes:
    Agua (hidratação sempre é a boa !);
    Ar condicionado;
    Horário respeitado.
    Pontos fracos:
    Não tem cards avulsos.

    ResponderExcluir
  2. Vou na linha do PH em relação aos pontos fortes e fracos. O único adendo é em relação à premiação. Ter saído de lá sem ao menos o buster "de lei" foi chato para caralho. Mesmo com oito players não teve jogo fácil. Foi só voadora! Enfim, é isso.

    ResponderExcluir
  3. Que bela narrativa PH, não pude comparecer em mais um torneio mas me senti como se estivesse la vendo as partidas, parabéns pelo post.

    ResponderExcluir

- Copyright © Torneios de Battle Scenes - Date A Live - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -